Livro: 1984 | George Orwell

“Os dois objetivos do Partido são: primeiro, conquistar toda a superfície da Terra; segundo, extinguir de uma vez por todas a possibilidade de pensamento independente.”

Publicado originalmente em 1949, após a Segunda Guerra Mundial, 1984 expressa um sentimento de advertência sobre o futuro da humanidade.

Neste livro, nos deparamos com uma sociedade completamente dominada pelo Estado, onde todo e qualquer movimento de cada pessoa é vigiado pelo Grande Irmão através das teletelas (sim, esta obra serviu de inspiração para o programa Big Brother).

Além de agir conforme o Partido quer, as pessoas também devem pensar como ele quer, caso contrário, coisas horríveis podem acontecer àquela pessoa.

“Todos os registros foram destruídos ou falsificados.”

O personagem principal, Winston, trabalha no Ministério da Verdade, que tem como objetivo alterar documentos já publicados no passado, tais como livros e jornais, manipulando todas as informações que são acessíveis para a população. Mas Winston não se esquecia da verdade e muitas coisas acontecem com ele.

1984 é um dos livros mais importantes do século XX, e como uma boa distopia, nos faz refletir sobre nossa realidade.

O controle sob a população e a manipulação das informações são os principais aspectos da obra, e são tão reais quanto podemos imaginar.

Difícil não ficar chocada com este livro.

Leitura essencial!

Livro: A morte de Ivan Ilitch | Leon Tolstói

“…controlou-se um pouco e pôs-se a chorar como uma criança. Chorou por sua solidão, seu desamparo, pela crueldade do ser humano…”

Eis que estou navegando na Amazon, procurando algum livro no kindle unlimited, e me deparo com: “A morte de Ivan Ilitch”.

Pensei: está na hora de ler algo de Tolstói!

Confesso meu receio de não me adaptar à sua escrita, mas quis arriscar, até porque é um livro de poucas páginas.

Não poderia ter feito escolha melhor para minha primeira leitura de Tolstói!

Sobre o livro:

Ivan Ilitch tinha uma esposa, filhos, amigos e uma situação financeira confortável. Para a sociedade, ele aparentava ser um homem de sucesso, mas nem tudo é o que parece. Ele não era feliz em seu casamento e tinha um trabalho medíocre.

Após sofrer um pequeno acidente, Ivan tem início a uma doença, que o persegue até a sua morte.

Minhas percepções:

É sofredor acompanhar Ivan em sua angústia que, sabendo que a morte se aproxima, não tem apoio da sua família e amigos. Podemos acompanhar tantos sentimentos e pensamentos de Ivan durante os dias em que conviveu com a dor, refletindo se de fato ele tinha vivido uma vida digna.

Viver de aparência, hipocrisia, solidão. Estes são alguns dos aspectos expostos na obra.

Este é um livro que quando você termina, pensa: o que realmente importa na vida? Será que vale a pena vivermos em tantos conflitos, uma vez que temos um tempo limitado neste mundo?

Muito se fala sobre viver em paz, aproveitar os bons momentos, e torna-se até repetitivo, mas no final das contas, não seria isso que nos resta?

E você, já leu esta ou outra obra de Tolstói?

Livro: A paciente silenciosa | Alex Michaelides

“O problema é que nos tornamos tão avessos a qualquer tipo de risco que optamos pelo excesso de medicação para não nos expormos. Precisamos ter coragem de conviver com a loucura e encara-la em vez de trancafia-la.”

Alicia tem 33 anos, é pintora e casada com Gabriel, um fotógrafo bem-sucedido. Eles moram em Londres e são muito felizes.

Tudo muda completamente na noite em que Alicia dispara cinco tiros em seu marido, e a partir disto, não diz mais nenhuma palavra.

Alicia é internada em um hospital psiquiátrico, mas ninguém conseguiu faze-la falar. O caso dela já era considerado perdido, mas não para Theo, um psicoterapeuta que acredita que é a pessoa certa para lidar com o caso. Theo está disposto a fazer qualquer coisa para fazer Alicia falar.

A história é contada através de dois pontos de vista: há capítulos intercalados entre a narrativa de Theo e os relatos do diário de Alicia.

No decorrer da história, algumas verdades vão aparecendo, aumentando a curiosidade para saber o que realmente aconteceu. Os capítulos são curtos e a leitura é rápida.

Este é um daqueles thrillers em que eu fui colocando várias suposições do que acreditava ter acontecido, mas eu jamais poderia adivinhar o final. O plot twist é sensacional!

É também um livro repleto de aspectos psicológicos, que me pareceu tentar transmitir algumas explicações sobre o que leva uma pessoa a cometer certos erros.

Você já leu este livro? Tem vontade de ler? Gosta de thrillers?

Livro: Razões para continuar vivo | Matt Haig

“O mais estranho sobre a mente é que nela podem acontecer as coisas mais intensas sem que ninguém perceba”.

10 de setembro é o dia mundial da prevenção ao suicídio. Durante todo o mês de setembro há diversas campanhas para conscientizar e apoiar a população.

Coincidentemente, este livro chegou de repente e na hora certa!  

“Razões para continuar vivo” traz a história de Matt Haig, que enfrentou a depressão e reaprendeu a viver.

De uma forma muito simples, o autor relata como uma pequena atividade do dia (como ir ao mercado, por exemplo) pode ser tão difícil para quem tem depressão.

Segundo a Organização Mundial da Saúde, a depressão afeta 350 milhões de pessoas no mundo todo e estima-se que cerca de 800 mil acabem cometendo suicídio – atualmente a segunda principal causa de morte de pessoas entre 15 e 29 anos.

Vivemos em um mundo louco, que mexe com a nossa cabeça, nos deprime, traz ansiedade. Os motivos que levam a depressão podem ser diversos, normalmente incentivados por algum período de crise.

Por isso, achei viável trazer alguns conselhos do livro que são para vida e para todos:

  • Valorize a felicidade quando ela aparecer;
  • Seja gentil consigo mesmo;
  • Não existe absolutamente nada no passado que você possa mudar;
  • Onde quer que esteja, a qualquer momento, tente encontrar algo belo;
  • Seja corajoso. Seja forte. Respire e vá em frente.

Livro: Névoa | Lenmarck

Névoa é uma pequena e misteriosa vila cercada por uma neblina intensa e por uma floresta, mais conhecida como floresta morta. Há casos de pessoas que entraram na floresta e nunca mais saíram de lá.

Dave, Lílian, Alan, Bruce e John são amigos e decidem entrar na floresta para tentar desvendar este mistério, o que acaba causando a morte de um deles.

Isto acaba fazendo com que os demais amigos deixem Névoa e vão viver suas vidas separadamente.

Anos depois eles decidem voltar, pois receberam a notícia de que Lílian, a única que permaneceu em Névoa, desapareceu misteriosamente.

Mas o retorno deles não é tão simples quanto parece, e os amigos precisam lidar com diversos fatos do passado.

Nota-se que os amigos são bem diferentes uns dos outros, mas a representação da floresta é o que os une. Eles possuem seus próprios medos e segredos.

Quais serão os mistérios que cercam Névoa?

Este livro foi uma leitura coletiva onde o autor também participou, trazendo comentários sobre a escrita e suas inspirações, tornando uma boa experiência.

Foi difícil para o grupo manter o cronograma, já que a cada capítulo perguntas vão surgindo, aumentando o mistério e a tensão.

Vocês já conheciam este livro?

Atenção: disponível no kindle unlimited!

Livro: Minha história | Michelle Obama

“Para mim, ter uma história não significa chegar a algum lugar ou alcançar algum objetivo. Entendo-a mais como um movimento adiante, um meio de evoluir, uma maneira de tentar, continuamente, ser uma pessoa melhor.”

“Minha história” é o livro que relata a trajetória de Michelle Obama, a primeira e única primeira-dama afrodescendente dos EUA.

Michelle nasceu em uma família simples, e desde pequena aprendeu que precisaria estudar e trabalhar muito para se destacar na vida.

Formada em Direito, seguiu carreira como advogada, e foi através desta profissão que conheceu Barack Obama, que entrou como estagiário no escritório de advocacia em que ela trabalhava.

Muitos acontecimentos são relatados a partir daí: o casamento, a mudança na carreira de Michelle, a maternidade, o cargo de Barack como senador.

Michelle desenvolveu muitas ações, principalmente para as crianças e adolescentes, relacionadas à educação, alimentação e exercícios físicos. Ela até criou uma horta na Casa Branca!

Muitos detalhes da rotina na Casa Branca são contados no livro, e por vezes fiquei pensando como seria conviver com tantos seguranças por perto observando cada passo dado!

Eu não conhecia a história da família Obama, mas agora conheço e posso afirmar que foi um trabalho muito bonito, com o grande objetivo de dar voz e espaço para pessoas com alguma desvantagem social.

Este também é um livro que traz uma mensagem sobre empatia.

E sobre refletirmos que todos nós temos e fazemos a nossa própria história!

Informações adicionais: Este livro foi lançado em 13 de novembro de 2018 em 24 idiomas, além de ter sido um dos mais vendidos em 2018!

Livro: Regai as flores mortas | J. Brandão

“…ela finalmente acomodou o piano de cauda no meio da sala e tocou lindamente. Mas em cada nota havia uma profundidade assustadora como um abismo no meio do oceano.”

Diversos assuntos sobre a vida são apresentados neste livro através do diálogo entre uma avó e sua neta, apresentando ao leitor uma certa simplicidade e tranquilidade na história.

A avó, com toda a sua sabedoria, sempre recebe sua neta de braços abertos, ouvindo-a quando ela precisa.

A partir do momento em que a neta assume a narrativa, percebe-se que nem tudo é o que parece. Alguns segredos são expostos e mudam completamente o rumo da história. Temos então uma alternância de sentimentos nos capítulos em que se seguem.

O desfecho é surpreendente, não imaginava o que poderia acontecer.

Isso é tudo o que posso mencionar, caso contrário poderia conter spoilers!

Obrigada @autora_jbrandao pela parceria. Desejo-lhe sucesso em suas escritas!

Se você quer um livro para ler rapidamente, esta indicação é para você!

Ah…e lembrando que o e-book está disponível no kindle unlimited!